Tap e Flap Aprovariam.

Eu vi um post parecido com esse lá no So Contagious, porque pra ser legal assim tinha que vir da Anna Vitória, né. E daí, como não sou nem um pouco boba, fui logo fotografar meus sapatos para imaginar o que eles diriam sobre mim, sim, isso mesmo.

Vamos lá!

100_3605

1 – Eu fui comprado na Renner. Na verdade minha dona queria que eu fosse vermelho, mas a mãe dela não deixou, daí foi eu mesmo. O que ela não sabia é que eu seria o tênis preferido dela. Acompanhei-a a quase todos os dias letivos do ensino médio, fui a vários na faculdade também, sem contar os cinemas, teatros, aulas de teatro, shows e todas as outras coisas. Sou velho, minha bunda está toda lascada, mas sei que minha dona jamais me abandonaria!

2 – Fui o sonho de consumo da Mayra por anos. Ela não gosta de ter coisas que todos têm, mas eu fui sua only exception. Em 2011 todos da sua turma de teatro tinham um igual a mim, menos ela, então, assim que ela conseguiu aval para um all star novo, sem a menor dúvida eu fui escolhido! O fato de eu nem ser mais tão branco assim só comprova o amor que recebo <3

3 – Eu fui inesperado. Cheguei a ela como presente-vaquinha em seu aniversário de dezesseis anos. Ela gosta de mim porque tenho morcegos desenhados, mas acha esquisito o fato de eles serem a única coisa branca em mim. Quase nunca sou usado porque costumo deixar todas as meias que me pisam completamente vermelhas…

100_3606Eu sou o mais internacional aqui. Conheço quatro países diferentes! Tudo graças ao fato de eu ser absurdamente confortável e quentinho. Impossível cogitar ver Mayra em um país frio sem eu ao seu lado! Mas não sirvo só para as viagens… Também sou eu o escudeiro fiel de suas idas quase frequentes à academia. Pois é, eu faço milagres.

100_3607

Sou nova nessa família, parte de um acordo da Mayra com a tia dela que coleciona botas, na qual todas as botas deverão ser dadas a ela. Fui uma das primeiras, tenho o cano curto e palmilhas reforçadíssimas, perfeita para um dia frio, mas que requer andanças. O que a Mayra mais gosta em mim são as costuras que ligam meu couro à minha sola!

100_3608

Sou conhecido aqui na sapateira como a “protetora dos pés da nossa dona”, afinal eu sou maior que eles, advenho de uma promoção de uma loja underground em NY e funciono perfeitamente quando o assunto é manter os pés aquecidos e secos durante os famosos temporais curitibanos! Toda vez que sou usada rendo mil elogios à minha dona, mas bem, esse é o poder do grafiti bem empregado, rs.

100_3609

Somos as fofinhas da família, eu fui presente de natal do ano passado, uma promoção bacanuda que estava tendo lá no interior de SP. Sou usada em ocasiões especiais porque solto purpurina por onde passo e nem sempre isso é legal. No começo machucávamos os pés de nossa dona, mas agora já entendemos que a missão da nossa vida é sermos pisoteadas. Minha companheira de bolinhas ali que o diga! Ela foi comprada para uma peça teatral, mas acabou tendo tantas outras finalidades que tornou-se tão tímida quanto seu design… Demos um desconto à pobre coitada, ok?

100_3610

1 – Sou muito versátil. Meio oxford, meio esportivo, perfeito para dias com clima instável. Causo bastante suor em dias de Sol excessivo e é por isso que sempre fujo de pés em dias assim! O record de coisas legais que presenciei ao lado da minha dona foi o prazer de ser o solado que apertou os pedais do carro no dia em que ela conseguiu sua carteira de motorista.

2 – Eu sou lindo. Sei disso. Raramente usado porque sou lindo e assim sendo não posso ser desgastado em momentos não especiais. Faço parte do time da meia estação, do sem meia, do suador, bem… do mesmo time do meu colega aí. Com a diferença de que eu sou lindo e ele não.

3 – Represento a antiguidade na sapateira. Isso porque meu design é muito parecido com o de sapatos da década de 90, mas juro que só tenho um ano! Posso ser usado sem meia ou com meia, mas geralmente acato a segunda opção. Gosto de dias frescos e meu auge foi o piquenique de véspera de vestibular no Jardim Botânico ano passado. Eu arrasei.

100_3611

1 – Eu sou o sapato barato que é utilizado em momentos de pressa e de calor extremo, em locais onde havaianas não seriam bem vistas. Costumava carregar uma flor em meu ventre, mas com as idas e vindas ao cinema do último verão ela esvaiu-se de minhas entranhas. Acontece com os melhores. Eu acho.

2 – Sou aquele que mamãe sempre achou horrível, mas que, graças a uma promoção, ganhou amor imediato. Sou confortável, com uma cor sóbrea e bonita e relembro os gladiadores de uma das épocas históricas mais amadas por minha dona! Fino e casual, tudo na medida certa, este sou eu.

100_3612

1 – Paz e Amor. Esse é o meu nome do meio. Sou florido e gracioso, mas a verdade é que fui comprado para ir a universidade. Lá faz calor quando está Sol e nada melhor para o calor do que uma coisa ventilada, bonita e confortável, como eu. Tenho uma cor linda e minha dona vive fazendo as roupas combinarem com a minha pessoa.

2 – Sou mais sofisticado, tenho até brilhinhos! O problema é que sou meio duro e assim sendo não sou eficaz para longas caminhadas, por esse motivo tenho sido meio evitado em prol de outros sapatos, mas há tempos e roupas que obrigam o meu uso. A verdade é que eu gostaria de me aposentar. Estou cansado de tanta poluição em meu nariz.

100_3613Representamos o glamour da família. Na verdade, eu fui o primeiro salto da Mayra, comprado nas vésperas de sua primeira festa de quinze anos porque no convite dizia “passeio completo” e isso significava salto. Devo ter menos de 5cm, mas a verdade é que só sou usado quando realmente necessário. Meu amigo dourado aí segue o mesmo esquema, com a diferença que advem de uma loja cara, presente de “mocinha” das tias da dona, usado para uma festa de 15 anos também. O salto dele é ainda mais baixo do que o meu, mas fora isso seguimos os mesmos padrões.

100_3614Sou o queridinho. Presenciei os melhores aniversários da dona, a primeira balada da vida dela e diversas outras festas e ocasiões especiais. O salto mais confortável. Aquele que lembra a Minnie, enfim, o mais fofo de todos. Sou muito muito muito amado e, embora raramente usado, meu cheiro de Melissa já sumiu! Não vejo a hora de sentir o cheiro bom do pé da minha dona novamente!

100_3615Sou o aquecedor caseiro dela. Ela não gosta de meias em casa, e é para isso que eu sirvo. Com meu design holandês arrojado e minha combinância para com seu poncho favorito sou peça chave nos invernos . Lindo, charmoso e quentinho, este sou eu.

Somos Tap e Flap e achamos que você também deveria deixar seus sapatos falarem!

É isso que acontece com a sua cabeça quando você estuda Antropologia dos Objetos por muito tempo e começa a se questionar sobre o que aconteceria se os objetos pudessem falar. Bem, é por isso que eu sempre gostei de Castelo Rá-Tim-Bum. Ah! Tem nova vídeo-resenha, confiram!

0 thoughts on “Tap e Flap Aprovariam.

  1. Eu nunca teria pensado em colocar meus sapatos para falar – até porque acho que eles não teriam praticamente nada a dizer, já que sou basicamente uma guriazinha de pátio, hahaha! Mas ficou tri engraçado, guria. Ainda mais na parte das sapatilhas que finalmente aceitaram que suas funções se concentram em ser pisoteadas. Adorei!

  2. HAHAHAHAHAHA MAY!
    Seus sapatos são muito tagarelas. Os meus não diriam nada além de “causo dores, me troque por uma havaiana”.
    E cara, seus sapatos são a sua cara. OLHA ESSA GALOCHA, tá escrito “feito pra Mayra” nela.
    Beijo, te amo! <3

  3. hahahaa Gente mas é muito mara a ideia da Anna eu adoreeeei. E principalmente o jeito como você os descreveu, como o tênis que é o mais intrernacional de todos por sr o mais quentinho e confortável de todos! E amei a sua galocha porque ela é linda e eu quero mas nunca compro uma eternamente. E por fim, pela sua menção incrível e honrosa à flip e flap! Só os que tiveram uma infância maravilhosa lembrariam deles!

    kkk

    Beijoca

  4. Eu não me lembrava mais desses sapatos! Tirou do fundo do baú e achei genial a ligação com o post. Faz um tempinho que também quero escrever sobre isso, mas nem se passou pela minha cabeça de fazer a comparação.

    Quero os seus sapatos da sexta foto pra mim! <3

  5. ADOREI esse post e a referência a Castelo Rá Tim Bum me fez te amar mais ainda. Quero fazer o meu, mas só com um sapato protagonista <3 Aquele que te falei no facebook e que você amou, sabe?

    Beijos!

Comentários: